O que fazer em Manaus - Roteiro de 2 dias
Amazonas | América | Brasil | Roteiros

O que fazer em Manaus – Roteiro de 2 dias

Olá, este é o último de uma série de posts que escrevemos sobre o que fazer na Floresta Amazônica e em Manaus. Se você ainda não leu, clique aqui:

Bom, e no final das contas sobrou efetivamente bem menos tempo do que gostaríamos para ficar na cidade de Manaus. Conhecemos menos lugares do que gostaríamos, mas foi o suficiente para nos apaixonamos pela cidade. O roteiro ficou mais lento do que esperávamos e alguns lugares acabaram passando. Mas vamos ao Roteiro de Manaus, dividido em três partes: 1- hospedagem, 2- alimentação e 3- passeios.

Hospedagem

O que fazer em Manaus - Roteiro de 2 dias
Nossa hospedagem na selva

Além da hospedagem na selva, nos hospedamos em dois outros hotéis em Manaus. Dessa vez o Airbnb que tanto amamos não valeu a pena, pois conseguimos preços realmente muito bons nos hotéis que ficavam melhores localizados que as casas de temporada.

Para a primeira noite escolhemos nos hospedar no centro histórico de Manaus pois não pegaríamos o carro ainda e estar no centro facilitaria a locomoção. Conseguimos uma promoção pelo booking.com e ficamos no Seringal Hotel por R$130 pela diária para o casal (em agosto de 2018). O hotel é bem simples, mas super atendeu as nossas expectativas. O café da manhã super vale a pena!

O segundo hotel que nos hospedamos quando voltamos da selva foi o Ibis Buget de Manaus. Também reservamos pelo Booking.com e a escolha foi principalmente pelo preço já que não precisaríamos levar em conta a localização pois já teríamos alugado o carro nesses dias. O hotel não inclui café da manhã – que deve ser pago por fora, bem como o estacionamento. Não nos preocupamos com o café, já que tínhamos planos de experimentar o café regional.

O local é bem ao estilo Ibis: pequeno, funcional, padrão, limpo. Gostamos muito e achamos um ótimo custo benefício. Para 3 diárias pagamos R$266,16 (o casal).

Alimentação

O que fazer em Manaus - Roteiro de 2 dias
O famoso tambaqui de banda, servido com arroz, vinagrete e farofa

Escolhemos passar a semana toda comendo peixe e o máximo possível de alimentos locais e típicos. Por isso, todas as nossas experiências culinárias foram em restaurante que tinham como carro chefe o peixe. Além disso, como já falamos anteriormente, queríamos conhecer o famoso café regional. Então a lista dos restaurantes que conhecemos em Manaus foi:

  • Tambaqui de Banda: claro que comemos o Tambaqui de Banda, carro chefe da casa. Preço justo, localização excelente (na praça de frente para o Teatro Amazonas) e comida incrível. Parada obrigatória!
  • Tacaca da Gisela: a gente foi experimentar a famosa sopa indígena que atende pelo nome de Tacacá. Não poderia ser em outro lugar, se não no mais famoso da cidade. Peça uma só para o casal ou trio – é grande!
  • Sorveteria Glacial: rede grande de sorveterias na cidade. Ali você encontrará sabores de sorvete típicos que não tem em nenhum outro lugar.
  • Amazônico Peixeira Regional: Provavelmente onde a gente comeu o peixe de forma mais diferente de toda a viagem. Veio enrolado em forma de rocambole, com queijo e banana. Parece super rico, mas o preço (comparado ao que pagamos em restaurante desse tipo no RJ) é bem tranquilo.
  • Sorveteria Happy Ice: Como estava calor e os sorvetes tinham sabores diferentes e exóticos a gente escolheu que a sobremesa seria cada dia em uma sorveteria diferente. Essa aqui, além do sorvete tem sobremesas deliciosas!
  • Café Regional da Priscilla: o mais famoso da cidade, mas há muitos outros no mesmo estilo. Eles te dão uma lista de alimentos e bebidas e você vai marcando o que quer. Dica: Não peça dois da mesma coisa, tudo é gigante!
  • Sorveteria Toya: Descobrimos sem querer voltando de Presidente Figueiredo e foi uma ótima surpresa!
  • Abarés Sup and Food: não tinha como ir embora de Manaus sem ter a experiência em um restaurante flutuante. Pegamos um barco no final de uma estradinha de terra que nos levou até o restaurante. Era domingo e fazia muito calor. O restaurante estava cheio. Mas basicamente as pessoas vão para passar a tarde, nadar no rio e fazer stand up paddle na volta do restaurante. Comida boa, atendimento de qualidade e muita badalação.

Passeios

Teatro Amazonas – clássico! Não pode faltar no seu roteiro para Manaus! Fizemos a visita guiada e conhecemos além da platéia, o camarote e toda parte de bastidores. Bem como a história do local. Para conhecer o teatro, você também pode optar por assistir um show ou programação que estiver acontecendo quando você for visitar Manaus. Mas indicamos a visita guiada, porque assim você conhece a história local e consegue entender a imensidão e o significado da construção “no meio da selva”. A entrada é gratuita para pessoas nascidas no Amazonas, mediante comprovação de naturalidade com documento oficial com foto e menores de 10 anos. Ingresso a R$ 20 para demais visitantes, em valor de inteira; idosos (com idade igual ou acima de 60 anos), estudantes, professores, militares, doadores de sangue e pessoas com deficiência e seus acompanhantes pagam meia-entrada.

O que fazer em Manaus - Roteiro de 2 dias

MUSA – Museu da Amazônia é um ícone na cidade. Ficou famoso por conta da sua alta torre de metal que dá visibilidade para toda a cidade e parte da floresta. O MUSA é basicamente um Museu a Céu aberto (versão de Inhotim pequeno) que conta com fauna e flora loca, bem parte da historia e cultura. Evite ir na hora do almoço (entre 12 e 14h), a umidade sobe muito esse horário e fica bem difícil de caminhar e aproveitar o local. Não esqueça a garrafinha de água (há lugar para encher) e o protetor solar. Use roupas leves! Optamos pela visita não guiada (R$20) por poder conhecer ao nosso tempo. Caso vocês escolham pela visita guiada custa R$ 40 a entrada (ambas já estão incluídas o acesso à torre).

O que fazer em Manaus - Roteiro de 2 dias
Vista da torre do MUSA

Praia da Ponta Negra – o pôr do sol mais famoso de Manaus. Se você não perde a oportunidade de curtir uma praia, vá no meio da tarde e aproveite até o sol se pôr. Caso você não faça questão da praia, sente em um quiosque no calçadão e aproveite.

O que fazer em Manaus - Roteiro de 2 dias
Praia da Ponta Negra

Feira Municipal de Artesanato – um amigo da família nos indicou e provavelmente foi a nossa melhor descoberta na cidade. A feira conta com barquinhas de comida (doces e salgados típicos da região) e artesanato local. Gastamos uma manhã lá facilmente e perderíamos mais tempo, se não tivéssemos outras programações para a tarde. Tome café da manhã. A feira acontece todos os domingos pela manhã.

Ponte do Rio Negro – é a Rio Niterói de Manaus, só que muito mais bonita. É a única ponte sobre o trecho brasileiro do Rio Negro e custou R$1.099 bilhão. Foram usados aço e cimento em quantidade para erguer três estádios do Maracanã devido ao grau de acidez da água. Foi considerada uma das pontes mais caras já construída no Brasil. Sua beleza impressiona, bem como a vista por cima do Rio Negro.

O que fazer em Manaus - Roteiro de 2 dias
Ponte do Rio Negro

Mercado Municipal – ou Mercado Adolpho Lisboa. Parada obrigatória para comprar doce típico, farinha, produtos de beleza natural, artesanato local, frutas típicas e as lembrancinhas que todo turista adora.

O que fazer em Manaus - Roteiro de 2 dias
Mercado Municipal

E para lembrar

Nossa série Manaus está chegando ao fim. Espero que vocês tenham tirado todas as dúvidas e sentido um pouquinho do que foi essa viagem incrível. Caso você tenha perdido alguma coisa, acompanhe os posts anteriores. E se ficou alguma dúvida ainda é só escrever um comentário que teremos o maior prazer em ajudar. 🙂

Similar Posts

Inscreva-se
Notifique-me sobre
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários