O mundo mágico de Beto Carrero
América | Brasil | Roteiros | Santa Catarina

O mundo mágico de Beto Carrero

Uma parada obrigatória para quem vive ou visita a região. Localizado na cidade de Penha em Santa Catarina, a aproximadamente 1h30 da capital Florianópolis, eis o mundo mágico de Beto Carrero. Mas antes de todas essas informações técnicas e de nossas impressões sobre o lugar vamos justificar porque é uma parada obrigatória.

História

João Batista Sergio Murad nasceu no interior de São Paulo e foi criado em uma fazenda onde o pai era empregado. Desde muito cedo se destacou na publicidade e ainda adolescente teve o seu próprio programa de rádio. Se tornou empresário e artista. Ele sempre foi muito fã de parque de diversões e ainda novo ajudava a descarregar e montar os parques que eram montados na região que vivia. Depois de já famoso fez uma viagem ao Walt Disney World e ficou aficionado pela magia do lugar. E então nasceu o sonho de construir algo – no mínimo – igual no Brasil. O município de Penha foi escolhido pois Beto acreditava que era um local de clima ameno, perto de outros grandes centros e com uma população acolhedora. O Beto Carrero World é hoje o maior parque temático da América Latina e é considerado o melhor do Brasil pelo Trip Advisor. O criador do parque faleceu em 2008 com problemas cardíacos, mas deixou o seu legado. Ainda hoje é possível ver e sentir presente o seu sonho pulsando naquele mundo mágico.

O mundo mágico de Beto Carrero
Beto Carrero visto de cima

Fora toda essa história de sonhos e fantasias, o grande dinerencial do parque é que ele pode – e deve – ser vivido por todas as faixas de idade. A área radical possui a única montanha russa invertida do Brasil e uma das maiores torres do mundo com queda livre. Já para as crianças a sensação é s roda gigante com formato de chapéu de cowboy e que tem a possibilidade de rodar enquanto está no ar (mais ou menos como as xícaras malucas – que aliás também estão presentes no parque!). O Crazy River é um brinquedo de bóias gigantes que descem por uma correnteza bem maluca cheia de personagens do filme Madagascar no caminho, brinquedo ideal para a família toda, inclusive para os mais idosos. Outra área ótima para passear com a família é o zoo. Lá a gente encontrou leão, girafa, macaco, elefante e um viveiro que deu para ver o tucano de pertinho. Foi uma experiência incrível porque ele é lindo e parece uma pintura. E para completar toda a diversão há diversos shows e encontro com personagens durante todo o dia no parque. O show indispensável é O Sonho do Cowboy que acontece diariamente às 18h no Teatro Principal. Conta com artistas bailarinos, cantores, cavalos adestrados, muita música e o melhor: está incluído no ingresso do parque!

O mundo mágico de Beto Carrero
Montanha Russa
O mundo mágico de Beto Carrero
Tchibum (prepare-se para sair molhado!)
O mundo mágico de Beto Carrero
Carrossel <3
O mundo mágico de Beto Carrero
Big Tower (torre em queda livre, considerado o brinquedo mais temido do parque. Vem com a gente? 😂)
O mundo mágico de Beto Carrero
Crazy River
O mundo mágico de Beto Carrero
Roda Gigante
O mundo mágico de Beto Carrero
Xícaras Malucas

Em geral a conservação do parque é muito boa! Quase nenhum brinquedo em manutenção ou com problemas. Banheiros limpos em qualquer hora do dia. Pintura em dia, limpeza e conservação geral das atrações e das áreas comuns em dia!

Detalhes importantes:

1- A maioria dos brinquedos não permite a utilização do monopod – ou o famoso pau de selfie. Se estiver com GoPro e quiser utilizar procure outros acessórios que ficam preso em seu corpo ou utilize direto na mão;
2- Algumas atrações tiram fotos enquanto você está brincado, para quem tem di$ponibilidade, é uma ótima lembrança para levar do parque. Os preços variam entre R$25 e 35 por foto. Mas a super dica é que se você gostou da foto, mas não tem certeza se quer comprar – afinal pode aparecer outra melhor no decorrer do dia – é só pedir para o funcionário deixar salva para você. Eles salvam até o final daquele dia e você pode voltar depois de garantir que aquela é a melhor;
3- Todo mundo sabe, mas sempre vale repetir: roupas leves, sapato confortável, protetor solar (mesmo se o tempo estiver nublado) e muita água!
4- É possível levar um pequena mochila com água, algum lanche pequeno e algumas peças de roupa caso precise. A maioria das atrações você pode levar junto e os que não houver  jeito, vai ter uma espaço para você deixar os seus pertences, em geral, com o local protegido por câmera de segurança;
5- A FireWhip filma o percurso todo e você pode comprar o DVD no final da atração.

Dúvidas frequentes:

1- Quantos dias?
Nós optamos por dois dias por diversos motivos, entre eles: era carnaval e não sabíamos o quão cheio estaria – ou não. Também queríamos fazer o parque com calma, sem correria e não ter que deixar passar nenhuma atração. Mas dá sim para resolver em um dia só se você não for com crianças ou idosos (porque anda muito!) e se for baixa temporada durante a semana.

2- E a alimentação?
Nós levamos água e alguns lanches rápidos na mochila (o que ajudou infinitamente para comer menos dentro do parque). Mas não deu para aguentar o dia todo, por isso almoçamos nos dois dias. O primeiro foi na Boca do Leão, dentro do Zoo. Escolhemos lá porque estava fresco e não estava cheio. O segundo dia resolvemos pagar pelo show Excalibur que já serve o almoço. (Vou falar dele daqui a pouco). Também sentamos para comer pastel e chopp nos 10 Pastéis, atrás do carrinho bate-bate, ótima opção de lanche rápido e descanso, banheiros por perto e ambiente com ar condicionado. Separe um dinheiro ok para comer dentro do parque, as coisas não são muito baratas. Cuidado em comer coisas muito pesadas, os brinquedos balançam e giram (mesmo os de criança!).

3- Os shows, valem a pena?
Como eu já falei O Sonho do Cowboy é indispensável. Chegue uns 40 minutos antes e aproveite para conhecer o Memorial do Beto Carrero na entrada do Teatro.
Assistimos também ao show do Velozes e Furiosos. Fique atento! Ele acontece somente uma vez ao dia às 11h e é in-crí-vel! Você muito provavelmente nunca viu nada igual em toda sua vida.
Optamos por não perder tempo nos shows infantis do Madagascar e Aqua, já que não temos crianças por perto. rsrsrs…
E o maior dilema foi pagar ou não pelo Excalibur. São confrontos medievais, com cavalos e cavaleiros em uma competição que nos parece quase realista. O show serve almoço ou jantar (dependendo da hora que você escolher assistir), somente as bebidas são pagas por fora. A comida é um prato feito de shopping, nada especial. O ambiente é todo decorado com brasões que te faz sentir voltando para a Idade Média. O show é bem animado e a gente acaba entrando na brincadeira também. Vale a pena? Considerando o preço das comidas lá dentro, acaba compensando por ter a comida incluída. Não é indispensável para a visita, mas pode com certeza ser uma ótima opção adicional. Se optar por ir, compre antes pelo site, os ingressos são mais baratos do que na bilheteria do teatro.

O mundo mágico de Beto Carrero
Excalibur
O mundo mágico de Beto Carrero
Velozes e Furiosos

 

Serviço: 

Os preços variam em dias da semana, feriados e alta temporada. Também variam para crianças, adultos ou idosos. Existem pacotes para 2 ou 3 dias. Também é possível adicionar outro dia lá dentro do parque pagando um valor especial. Para consultar tudo direitinho acesse a loja online do parque.

Compre direto pela loja do site para evitar taxas em agencias de viagens. Vá com os ingressos em mãos, evite filas e pague mais barato. Não esqueça de levá-los impresso.

Não esqueça das fotos! Abuse, o lugar é lindo e vale fotos incríveis!

Já foi? Conta pra gente!

Similar Posts

Inscreva-se
Notifique-me sobre
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
Izabela
Izabela
2 anos atrás

Bom dia… parece ter sido uma ótima experiência, né?
Vcs falaram que a maioria dos brinquedos não permite o monopod, mas pode entrar com ele no parque, para tirar fotos nas áreas comuns?
Fico no aguardo.
Beijo da Bela